Como fazer a Declaração Anual de Faturamento do MEI: PASSO A PASSO

Você é MEI e ainda não fez a sua declaração anual de faturamento? Calma que ainda dá tempo! Ela deve ser enviada até o último dia de maio 31/05.


Se você nem sabe por onde começar esse processo, me deixe te ajudar!


Eu também estava perdida no ano passado e estava ficando caro contratar alguém para ajudar a fazer a declaração. Então “mexi os pauzinhos”, aprendi e agora vou ensinar. Confira!


O que é a Declaração Anual de Faturamento ou DASN?

É uma obrigação do microempreendedor individual fazer a declaração anual de rendimentos. Basicamente, ela serve para prestar contas ao governo do faturamento que você teve no ano anterior com o Simples Nacional.


Ou seja, você vai somar todos os seus ganhos do ano passado, tudo o que você faturou com vendas ou prestação de serviços.


Vale a pena dizer que você precisa declarar todos os valores, mesmo que não os tenha recebido ainda. Isso significa que se você vendeu R$ 100 para Fulano de tal em dezembro e ele ainda não lhe pagou, você ainda tem que declarar esse valor.


Outro ponto importante: mesmo que você não tenha faturado nada, deve enviar o DASN informando que não teve rendimentos como MEI no ano anterior.


Atenção ao limite de faturamento para a declaração DASN - SIMEI

Para se enquadrar como mei, o microempreendedor deve ficar dentro do limite máximo de faturamento que é R$81 mil anual.


Dessa forma, se na soma dos rendimentos do ano anterior você constatar que ultrapassou esse limite, será necessário buscar o apoio de um profissional contábil e desenquadrar do regime MEI, pois a empresa passará a recolher impostos como Simples Nacional.


Passo a passo para fazer a sua declaração anual de faturamento como MEI


1- Acesse o site da fazenda

O primeiro passo é acessar o site da fazenda: DASN SIMEI - Declaração Anual do Simples Nacional - Microempreendedor Individual (fazenda.gov.br) e digitar o número do seu CNPJ no espaço determinado.



Passo a passo para declaração de faturamento anual MEI


2- Selecione o ano a ser declarado

Em seguida, você deve clicar no espaço “Ano Calendário” e selecionar o ano da sua declaração de rendimentos.


É importante notar que nessa etapa também é possível fazer a retificação das informes realizados nos anos anteriores.


Se você por algum motivo não possui mais seu MEI ativo, seleciona a opção “Extinção” e a data da baixa do CNPJ.

Clique em continuar.


3- Preencha os valores

Em seguida, aparecerá a opção para preencimento dos rendimentos do ano anterior. Some tudo o que você faturou e insira no campo correspondente - vendas ou prestação de serviços.


Depois preencha no campo determinado novamente o valor total e clique em continuar.


4- Visualize os seus pagamentos PGMEI

Na próxima aba será mostrado um resumo das suas guias de pagamento DAS do ano anterior. Clique em continuar.


5- Imprima o Recibo de Entrega da Declaração Original

Por fim, vai aparecer a opção de visualizar um PDF com o comprovante da sua declaração anual de rendimentos MEI. Recomendo fortemente que você baixe e arquive esse documento, pois para tirar uma segunda via é mais trabalhoso.


Pronto! Declaração DASN - SIMEI feita

Não é tão difícil quanto parece, não é? Em cinco passos simples, você já completou sua declaração anual. A meta é faturar ainda mais este ano, concorda?




Fontes: Governo Federal e Simples Nacional

24 visualizações0 comentário